segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

O espírito NATALINO E A HIPOCRISIA DE presente...


Dezembro é o mês das luzes e das cores, o mês do Natal, data esta esperada por muitos, principalmente pelas crianças, um corre-corre daqueles para escolher os presentes, que, aliás, são tantos que nos falta o dinheiro para comprar, neste mês natalino e como sendo o ultimo do ano, muitos não vêem à hora de passar, de que se acabe este ano e que venha um ano novo, pois, acredito que não são poucas as pessoas que durante o ano todo batalharam arduamente para sobreviver e dar sobrevivência aos seus.

Mas, agora se tratando desta data e do titulo acima tenho algo a escrever, em minha opinião julgo que existe fascismo em certas atitudes que envolvem o Natal, atitudes que acredito serem de pura hipocrisia, muitos dizem que no Natal as pessoas estão com o coração mais aberto, estão mais alegres, estão mais misericordiosas, e disso eu não tenho duvidas e nem descrença, pois tenho visto muitos se compadecerem com os mais necessitados, tenho visto pessoas com um coração colaborador, muito são movidos a fazerem doações aos mais carentes, passeatas e carreatas de papai Noel por todos os lados, é claro que não acho que isso não seja valido, que não seja preciso, o que eu acho é que fazer isto somente nesta data se torna algo desnecessário, um dia comentando sobre isto, alguém me falou, mas antes que seja feito nesta data do que nunca, sim claro concordo, mas o que discordo é o porque somente nesta data, será que é porque “comemoramos” o nascimento de Jesus? Mas, ai me pergunto, quem esta interessado em Jesus? 

Porque o interesse é tanto que só se lembram dele no mês de dezembro e nos demais meses nem se lembram de que ele existe, há, me desculpem também lembram dele na Páscoa, onde o personagem principal é o coelhinho, como no natal é o papai Noel.

Voltando ao meu questionamento da hipocrisia, é disto que estou falando, de que adianta querermos ser bons em dezembro e nos demais meses não sermos nada, de que adianta a nossa comoção em dezembro e nos demais meses o nosso desprezo, de que adianta darmos com a mão direita e a esquerda ficar sabendo, de que adianta enganarmos, pois os maiores prejudicados seremos nós, porque poderemos estar fazendo o bem ao próximo, mas se não for de coração e sim obrigação faremos o mau a nós mesmos.

A minha opinião sobre a hipocrisia esta em que trocamos principalmente os papeis e também trocamos os presentes, não estou falando de amigo secreto e sim de darmos ou recebermos o que não nos agrada, damos algo pensando em agradar e no fim não agradamos, assim também como a pessoa nos da um presente pensando em nos agradar e nem usamos, quero deixar claro que esta regra não serve para todos, mas, sim para aqueles que fazem de conta gostar do presente, quando na verdade detestaram, ou senão recebem um presente de um e transferem a outro, porque não gostaram do mesmo.

O espirito natalino onde muitos julgam ser um mês especial, digo que na verdade não deixa de ser, como assim também os outros meses, mas agora o que deixa de ser é que neste mês de dezembro, o qual pode ser colorido e iluminado, na verdade é só aparência, pois, muitos só pensam em lucrar, onde também outros não pensam em se endividar e acabam se endividando, sem contar a mentira que contamos as crianças dizendo a elas que quem trouxe o presente foi o suposto papai Noel, mentirinha insignificante, mas que na verdade se “comemoramos” o nascimento de Jesus porque trocamos então ele pelo papai Noel, porque não nos ensinaram que quem nos presenteia è Jesus, e o seu maior presente para nós foi a vida, porque Jesus não tem nada a ver com consumismo, Jesus não tem nada a ver com hipocrisia, Jesus não tem nada a ver com luxurias, então Jesus não serviria para ser o representante principal do natal, mas o bom velhinho como dizem, que entrega as crianças o que ele não pagou, que se passa de bonzinho, de amável, não passa também de uma grande farsa, onde podemos enganar mesmo somente as criancinhas que são inocentes, porque nós adultos só somos enganados por nós mesmos, quando fazemos as coisas para aparecer e jamais para colaborar.

O espirito natalino pode ser o que as pessoas dizem ser, dezembro pode ser também um mês muito especial como também dizem ser, mas, na verdade não podemos jamais deixar de falar a verdade, e a verdade esta em que Jesus não tem nada a ver somente com o mês de dezembro e sim com todos os meses, ou seja, o ano inteiro, se existe um espirito natalino no mês de dezembro, existe muito mais um Espirito Santo nos doze meses do ano, inclusive no mês de dezembro, o espirito natalino cheio de luzes e cores pode até existir, mas, agora o que não pode existir é que o presente seja a hipocrisia, o qual muitos tem dado embrulhado num pacote de presente, simbolizado pela falsidade e pela mentira, que possamos não nos compadecer somente em um único mês do ano e sim possamos ser compadecidos todos os meses, pois melhor mesmo é poder servir do que querer ser servido, e nisto não há somente um único dia e sim todos os dias das nossas vidas nesta terra, ou até quando terminarmos a nossa missão...

Postar um comentário